OrCam MyEye 2.

Tecnologia de ponta para inclusão de pessoas com deficiência visual ou com dificuldade de leitura nas bibliotecas e escolas públicas.

Mais Autonomia, representante exclusiva OrCam no Brasil

Preencha corretamente o formulário abaixo, entraremos em contato o mais rápido possível

Na foto acima: CEO da OrCam, Sr. Ziv Aviram, Príncipe William da coroa Inglesa e o Primeiro-ministro do Estado de Israel Benjamin Netanyahu, testam o dispositivo OrCam My Eye 2.

A deficiência visual no Brasil

No Brasil, o público com deficiência visual segundo os dados do IBGE de 2010 são mais de 6,5 milhões de pessoas (sendo aproximadamente 528 mil cegas e 6 milhões com baixa visão ou visão subnormal), essas pessoas têm acesso mais restrito à educação, à cultura e ao mercado de trabalho.

Pensando nisso, a Mais Autonomia que tem como missão trazer ao país o que existe de mais avançado no mundo para pessoas com dificuldade para enxergar. Trouxemos ao Brasil o OrCam MyEye 2, o dispositivo de inteligência e visão artificial que proporciona mais autonomia e mais independência para pessoas com deficiência visual ou alguma dificuldade de leitura, por exemplo, dislexia ou TDAH.

O governo e a inclusão social

A inclusão social de pessoas com deficiência tem sido pauta importante na agenda governamental. Visto que, pela Constituição Federal, lei Nº 13.146, de 6 de julho de 2015, art. 1º, é instituída a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência). Ou seja, destinada a assegurar e a promover, em condições de igualdade, o exercício dos direitos e das liberdades fundamentais por pessoa com deficiência, visando à sua inclusão social e cidadania.

O governo deve criar políticas públicas e trazer tecnologias assistivas para inclusão em espaços públicos. Isso requer uma visão genuína das necessidades que essas pessoas precisam.

Papel do Governo
para Inclusão nas Escolas

A inclusão social de crianças e adolescentes por meio de programas e serviços especializados auxiliam no aprendizado. Ou seja, proporcionando acesso ao conhecimento do indivíduo que necessita muitas vezes desse benefício. Nem sempre há uma estrutura viável ou aprovação para a tradução de todos os livros de uma escola para o sistema de escrita tátil utilizado por pessoas cegas ou com baixa visão, mais conhecido como braille. O OrCam MyEye 2. é a chave para leituras e assim, crianças e adolescentes terão acesso a qualquer livro em diversas línguas instantaneamente. Isso porque, o dispositivo lê para a pessoa através da reprodução do texto por áudio.

Na foto acima: Alunos com deficiência visual da rede pública municipal de São Paulo leem livro com auxílio do dispositivo OrCam MyEye 2.

Acessibilidade nas
Universidades Públicas

O jovem adolescente ou adulto possuem, atualmente, um sistema de cotas para garantir o direito de ingressar no sistema educacional superior. A lei de Cotas 13.409, de 28 de dezembro de 2016, reserva uma quantidade de vagas para pessoas com deficiência nos cursos técnicos de nível médio e superior das instituições federais de ensino.

Para a Mais Autonomia, o indivíduo ao ingressar uma universidade, deve encontrar um ambiente inclusivo e cidadão com acessibilidade. Ou seja, cabe ao governo garantir não apenas sua vaga, mas sua inclusão. Por exemplo: Acompanhar as aulas em tempo real tendo acesso fácil e instantâneo a todo material escolar impresso ou digital e até aos slides de um PowerPoint podendo voltar ou adiantar leituras quando quiser. Além disso, permite a interação social devido a identificação de colegas e professores através do reconhecimento fácil do aparelho OrCam MyEye 2.

“Estou tendo mais autonomia dentro da sala de aula, dentro da faculdade em geral (…) Meu desempenho melhorou bastante, quando o professor passa os slides, ele me informa, e através do OrCam MyEye, posso ler os conteúdos…”

– Guilherme Chedide

Na foto acima: Guilherme Chedide, cego, usuário OrCam MyEye 2. e aluno do sétimo semestre de administração na FECAP.

Michelle Bolsonaro publicou em seu Instagram sobre o dispositivo
OrCam MyEye 2.

“Hoje fui apresentada a uma tecnologia israelense que trará luz aos que não podem ver: OrCam. Estiveram ao meu lado na apresentação do Sr. Doron Sadka e do Sr. Abir Magid da Mais Autonomia, o Brigadeiro Celestino Todesco e a Sra. Marcela Watanabe, do MCTIC e a Sra. Nídia Limeira de Sá, do MEC. O pequeno equipamento, acoplado aos óculos, transforma o texto em áudio, possibilitando a “leitura” por pessoas com deficiência visual. Também torna possível o reconhecimento de rostos e identificação de pessoas com a ajuda do usuário. É a tecnologia a serviço da inclusão e da acessibilidade. Muito feliz de poder ser testemunha de novos tempos para aqueles que ficaram desprezados e esquecidos por tanto tempo. #inclusao #acessibilidade“

100% das bibliotecas públicas do município de São Paulo já possuem o OrCam MyEye 2.

Diversas secretarias municipais e estaduais adquiriram os dispositivos OrCam MyEye 2. para suas bibliotecas, permitindo que 100% do acervo seja acessível a 100% dos munícipes, num gigantesco exemplo de programa de inclusão social que visa democratizar o acesso dessas pessoas à cultura.

Por exemplo, a Prefeitura da cidade de São Paulo investiu na tecnologia e disponibilizou o equipamento para todas as 54 bibliotecas da cidade.

O secretário municipal de São Paulo da Pessoa com Deficiência, Cid Torquato destacou:

“OrCam My Eye 2. Não é apenas um equipamento que permite que as pessoas com deficiência visual possam ler qualquer livro. É também uma janela para o mundo, para a informação, para o conhecimento.”

O marco de Felipe Rigoni como
o primeiro Deputado Federal cego

O capixaba, Felipe Rigoni, primeiro Deputado Federal cego do Brasil, conheceu o dispositivo OrCam MyEye 2. e todos nós ficamos extremamente felizes e realizados com a oportunidade de fazer essa demonstração para o deputado, sabendo que sua gestão tem foco na inclusão É de suma disponibilizar o dispositivo em bibliotecas e escolas públicas. Proporcionando assim, acesso fácil e instantâneo à informação e a cultura para todas as pessoas com deficiência visual ou com dificuldade de leitura

A Mais Autonomia compreende que a inclusão cultural através da leitura, é uma grande aliada. Ou seja, para que esses cidadãos tenham acesso à educação, à vida social e, consequentemente, ao mercado de trabalho. Nas bibliotecas, por exemplo, um deficiente visual pode ter acesso a qualquer livro com essa ferramenta.

Conheça alguns de nossos clientes pelo Brasil!

OrCam MyEye 2.
A ferramenta definitiva

Apresentamos o OrCam MyEye 2., a inovação tecnológica vestível mais avançada do mundo destinada à pessoas com deficiência visual ou com dificuldade de leitura. A tecnologia permite o acesso fácil, intuitivo e instantâneo à informação disponível em tempo real e funciona totalmente offline.

O OrCam MyEye 2. lê textos, reconhece rostos, identifica produtos e muito mais. Ele é leve, discreto e pode ser acoplado as hastes de qualquer par de óculos.

O que estão falando os políticos que utilizaram OrCam?

Veja alguns depoimentos de pessoas públicas que viram pessoalmente a possibilidade de inclusão que a ferramenta pode trazer para as pessoas

Depoimentos Prefeitura
de São Paulo

Veja os depoimentos de Órgãos Públicos sobre sobre o dispositivo de tecnologia assistiva OrCam MyEye e os benefícios que ele traz para a sociedade.

OrCam MyEye na
mídia nacional

Veja neste vídeo, oportunidades de trazer ao público a tecnologia que veio para auxiliar e fazer a vida das pessoas mais autônoma. Estivemos em programas de TV de destaque, onde marcamos presença.

Depoimento Danilo Miranda

Veja o que o Diretor do Departamento Regional do SESC São Paulo achou sobre a tecnologia do OrCam MyEye.

Depoimento Henrique
Conta Tudo

Veja o depoimento encantador do Henrique – do canal Henrique Conta Tudo.

Depoimento Odelmo Leão

Uberlândia também aderiu ao movimento OrCam para trazer mais inclusão para as pessoas com deficiência visual ou com alguma dificuldade de leitura. A prefeitura da cidade recebeu ontem os dispositivos para disponibilizar em algumas bibliotecas públicas da cidade.

Depoimentos de políticos

Veja alguns políticos que tiveram contato com a tecnologia inovadora e assistiva que o dispositivo OrCam MyEye embarca. 

Depoimento Dra. Juliana Sallum

A Dra. Juliana Sallum é especialista em Oftalmologia e em Genética Clínica, com doutorado pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) e Research Fellowship In Ophthalmology pela Johns Hopkins University.

*Os resultados podem variar de pessoa para pessoa.

Entre em contato conosco agora mesmo!

Para maiores informações sobre parcerias, entre em contato conosco, teremos prazer em atendê-los!
Subir
Precisa de ajuda?